Ministério da Saúde, lança a Rede Nacional de dados em Saúde e DATASUS realiza encontro técnico sobre seu principal programa estratégico do plano de transformação digital do SUS.

WhatsApp Image 2019 11 15 at 15.24.27

 

Entre os dias (11) e (12) de novembro, na última segunda e terça-feira, foram realizados 2 importantes eventos, considerados marcos importantes para a Transformação Digital do Sistema Único de Saúde-SUS.

Na segunda-feira (11) em Maceió-Alagoas, o Ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, lançou o Conecte SUS, o programa irá integrar as informações de saúde do cidadão através da Rede Nacional de Dados em Saúde-RNDS.

Seu principal objetivo é promover a troca de informações entre os pontos da Rede de Atenção à Saúde, permitindo a transição e continuidade do cuidado nos setores público e privado.

Na ocasião o diretor do Departamento de Informática do SUS-DATASUS, Jacson Barros, apresentou detalhadamente o programa, que possui uma proposta totalmente inovadora na saúde, onde os dados serão armazenados em “containers” virtuais em Cloud, para cada estado do Brasil através da tecnologia Blockchain.

 

Blockchain matéria

 

Alagoas foi escolhido como o estado piloto da implementação do Conecte SUS, que começa com a adesão dos municípios para informatização das unidades de saúde da atenção primária, a partir de apoio financeiro do Ministério da Saúde.

A escolha do estado Alagoas para implementação do modelo foi em função do território alagoano ter uma das melhores coberturas de internet do país, tornando-se um ambiente controlado perfeito para início do programa.

Além disso, tem alto percentual de unidades de saúde da família a serem informatizadas, 76%.

No segundo dia de evento o DATASUS promoveu um encontro para discutir os aspectos técnicos do ConecteSUS.

O evento contou com a participação do diretor do DATASUS, Jacson Barros, a Coordenadora Geral de Governança e Gestão de Projetos, Roberta Massa, o Coordenador Geral de Sistemas de Informação, Henrique Nixon, a Coordenadora Geral de Inovação em Sistemas Digitais, Juliana Zinader, e Janaina Guimarães da Secretaria de Atenção Primária a Saúde-SAPS.

 

site 3b

 

O encontro técnico também contou com a participação de gestores de saúde locais, estadual e municipal, do estado de Alagoas, além de empresas e sociedade civil da área de tecnologia da informação que estiveram reunidos no evento.

 

 site4b

 

A equipe do Departamento de Informática do SUS (DATASUS) esclareceu aspectos técnicos sobre os dois eixos que compõem o Conecte SUS: a Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS) e a Informatização da Atenção Primária.

Na ocasião também foram discutidos temas como a Segurança da Informação, a utilização do número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) ao invés da Carteira Nacional de Saúde-CNS.

teste o

O programa estará disponível em Alagoas e nas demais unidades do Brasil de Atenção Primária informatizadas a partir de março de 2020.

Estamos pavimentando uma estrada, que chamaremos de infovia da saúde, para o fortalecimento da Estratégia de Saúde Digital para o Brasil’.

Jacson Barros, diretor do DATASUS”.

O Conecte SUS irá produzir e disponibilizar informações confiáveis da saúde, para quem precisa no momento que precisa.