DATASUS publica edição revisada do PDTI 2016

 

Sem títuloA Secretaria-Executiva do Ministério da Saúde (SE/MS) autorizou a publicação da edição revisada do Plano Diretor de Tecnologia da Informação (PDTI-2016). O documento, elaborado pelo Departamento de Informática do SUS (DATASUS), é indispensável para que qualquer instituição possa utilizar todo o potencial que as Tecnologias de Informação oferecem e, consequentemente, uma importante ferramenta para o alcance da missão institucional.

Assim sendo, o PDTI é um instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos com vistas a orientar o atendimento de necessidades tecnológicas e de informação do Ministério da Saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Desta forma, o documento contém as necessidades de informação e soluções para os serviços de TI, as metas a serem alcançadas e desenvolvidas, bem como os prazos de implantação.

Para o Secretário-Executivo do Ministério, Agenor Álvares, o Plano reflete o amadurecimento do nível de governança do órgão fruto do empenho dos servidores e colaboradores de todos os setores. “O apoio do complexo corporativo da Instituição é fundamental para o êxito do documento”, diz. O diretor do DATASUS, Sérgio Cotia, reforça também que o PDTI só é possível com o envolvimento das Secretarias e Unidades vinculadas ao MS.

Clique aqui para consulta e download do PDTI.

 

 

Nucom DATASUS


Ministério da Saúde lança 1ª Edição Revisada do Manual de Planejamento no SUS

Planejamento SUSO Departamento de Articulação Interfederativa, da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde (DAI/SGEP/MS), lança a 1ª edição revisada do Manual de Planejamento do Sistema Único de Saúde (SUS). A publicação está disponível em três formatos: impressa, em PDF para download e como e-book, tecnologia que permite sua atualização com agilidade.

O Manual é o quarto volume da 'Série Articulação Interativa', uma parceria entre o DAI e o Departamento de Ciências Sociais da Escola Nacional de Saúde Pública, da Fundação Oswaldo Cruz (DCS/ENSP/Fiocruz), e objetiva auxiliar gestores de saúde na elaboração de instrumentos para o planejamento de ações de saúde nos municípios, regiões de saúde, estados, Distrito Federal e governo federal.


Baixe aqui o Manual em PDF
.


Baixe aqui o Manual no formato e-book.

O planejamento estruturado passou a ser ponto central na agenda dos gestores de saúde a partir da instituição do Decreto nº 7.508, de 28 de junho de 2011 — que regulamenta a Lei 8.080 dispondo sobre a organização do Sistema Único de Saúde (SUS), seu planejamento, a assistência à saúde e a articulação interfederativa — e da Lei Complementar nº 141, de 13 de janeiro de 2012, que trata sobre os valores mínimos a serem aplicados anualmente pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios em ações e serviços públicos de saúde; estabelece os critérios de rateio dos recursos de transferências para a saúde e as normas de fiscalização, avaliação e controle das despesas com saúde nas 3 (três) esferas de governo.

Segundo Lenir Santos, secretária de Gestão Estratégica e Participativa do MS, o Manual de Planejamento do SUS apresenta pontos importantes para a condução e planejamento de políticas públicas para o setor. “Trata-se de um material bem elaborado, produzido como uma linguagem simplificada para facilitar a utilização por todos os gestores. O planejamento é foco essencial para a gestão da saúde pública", refletiu.

Vídeo: secretária Lenir Santos fala sobre o Manual de Planejamento no SUS.

A Constituição Federal de 1988 diz, em seu Artigo 174, que o planejamento no serviço público é determinante para elaboração de políticas públicas de interesse da sociedade e do Estado. É o planejamento que determina como serão as ações dos entes federados nas regiões de saúde, a grandes linhas mestras norteadoras do SUS. “Este manual traz doutrinas sobre a área, fala de federalismo, da autonomia de cada ente federado sobre elaboração e execução de seus planos de saúde e orientações sobre o planejamento”, completou Lenir Santos.

LACUNA – O Manual de Planejamento no SUS preenche um vazio de produção técnica para os gestores municipais e federais, no que diz respeito ao planejamento governamental em saúde pública, conforme orientações do Decreto Presidencial 7.508/11.

A construção do manual é o resultado do trabalho de oficinas de planejamento no SUS que contaram com a participação dos representantes do Conselho Nacional de Secretarias de Saúde (CONASS), Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e Ministério da Saúde e incorporaram as discussões do Grupo de Trabalho de Gestão da Comissão Intergestores Tripartite (CIT).

“A expectativa é de que este manual seja útil na formação técnica e política de profissionais, gestores e conselheiros no exercício de planejar a saúde”, revela Gisela da Costa Mascarenhas, Coordenadora-Geral de Articulação de Instrumentos de Gestão Interfederativa do DAI.

E-BOOK – Segundo André Bonifácio, secretário substituto de Gestão Estratégica e Participativa, o formato e-book potencializa as informações publicadas porque permite que elas sejam sempre atualizadas, mantendo o material dinâmico e interativo.

“Com essa plataforma, que permite a inserção de muitos links às informações associadas, é possível multiplicar de forma inimaginável a oferta de conteúdo ajudando e agilizando o planejamento das gestões de saúde do país inteiro”, disse.

Vídeo: secretário substituto André Bonifácio apresenta o conteúdo do Manual de Planejamento no SUS.

 

Por Sócrates Bastos

Diretor e trabalhadores celebram 25 anos do DATASUS

A comemoração dos 25 anos do Departamento de Informática do SUS (DATASUS) juntamente com a celebração do aniversário do diretor, Sérgio Cotia, foi realizada, em 14 de abril, no gabinete do Órgão. Na ocasião estiveram presentes, entre outras autoridades, o Secretário-Executivo do Ministério da Saúde, Agenor Álvares e o subsecretário de Assuntos Administrtativos, Antônio Mallet. Participaram também servidores, bolsistas e colaboradores do Departamento.

Confira as fotos:

Servidores do DATASUS/TO participam de ação contra o Aedes aegypti

NEMS TO2O Núcleo Estadual do Ministério da Saúde no Tocantins (NEMS/TO) realizou, em 29 de março, mais uma ação efetiva em parceria com agentes da defesa civil estadual e agente de endemias do município de Palmas contra o mosquito Aedes aegypti.

A equipe saiu às ruas e avenidas vizinhas ao Prédio do NEMS/TO levando a mensagem de conscientização para moradores e comerciantes da região. “Essa é a primeira de muitas outras ações que vamos promover em nossa cidade. Os servidores do Ministério da Saúde estão dando a sua parcela de contribuição ao saírem do conforto de suas salas e irem a campo enfrentar o inimigo número 1 da nossa saúde”, afirmou o chefe de serviço de gestão administrativa, Wanteildo Ayres.

As próximas medidas serão definidas em breve pela comissão de mobilização contra o mosquito Aedes aegypti. Para o chefe do Departamento de Informática do SUS (DATASUS), Miguel Moura, a união de todos mostra o compromisso de eliminar o vetor que transmite dengue, zika e chikungunya. Ele lembra que o país inteiro está em guerra contra o mosquito. “Aqui todos nós somos soldados”, frisa.

Colaboração Valdete Bezerra, NEMS-TO

 

 

 NEMS TO1NEMS TO

Jubileu de Prata - DATASUS comemora 25 anos de atuação no SUS

 

Matéria25anosDATASUS            O Departamento de Informática do SUS (DATASUS) comemora, no próximo dia 16 de abril, o Jubileu de Prata, prestando relevantes serviços ao longo de 25 anos de efetiva atuação perante o Sistema Único de Saúde (SUS). Com a missão de “assegurar aos gestores do SUS e aos órgãos congêneres o acesso aos serviços de tecnologia da informação e bases de dados mantidas pelo Ministério da Saúde”, o DATASUS já desenvolveu mais de 400 sistemas para a disseminação das informações voltadas às ações de saúde.

  Por meio dos sistemas informatizados, todo o ciclo de vida do cidadão recebe cobertura - nascimento, atendimento básico, vacinação, atendimento ambulatorial, internação, acompanhamento em programas de saúde específicos e óbito. Essa abrangência evidencia como a dimensão do banco de informações em saúde disponíveis no Brasil pode auxiliar na tomada de decisão dos gestores da saúde, tendo como referência os dados utilizados nas análises administrativas e epidemiológicas. 

Dentro do Ministério, o Departamento tem contribuído, significativamente, na gestão institucional com a responsabilidade de desenvolver soluções tecnológicas capazes de otimizar e aperfeiçoar os processos internos. Neste sentido, o DATASUS preza também por ações e boas práticas de Governança sugeridas pelos Órgãos de Fiscalização e Controle, como o Tribunal de Contas da União (TCU). O objetivo é direcionar e adequar às rotinas de trabalho internas.

 Para o diretor do Departamento, Sérgio Cotia, a adoção destas recomendações de Órgãos de Controle contemplam, de forma contundente, questões relacionadas às melhores práticas e à segurança da informação. “A adesão aos critérios sugeridos alavancam medidas assertivas de governança de tecnologia da informação”, assegura. O diretor também reforça que a governança corporativa exerce um papel relevante em relação ao processo de tomada de decisão no âmbito tecnológico e controla impactos estratégicos de TI.

 Com o intuito de firmar a data e celebrar ao longo do ano, a logomarca do órgão foi adequada com o objetivo de ressaltar os valores da instituição. O DATASUS foi fundado em 16 de abril de 1991, quando a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) foi criada por meio do Decreto nº 100. Com o surgimento da Funasa, a função de controle e atendimento referente à saúde passou a ser operacionalizada pelo Departamento e não mais pela Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev).  

Tecnologia para o SUS

O DATASUS dispõe de dois data centers, um em Brasília e outro no Rio de Janeiro, nos quais são mantidos os servidores de rede que hospedam os sistemas do Ministério da Saúde. Desta forma, a estrutura de armazenamento de dados tem condições de reunir e disponibilizar informações sobre saúde de toda população brasileira.

Baixe a logomarca DATASUS 25 Anos (baixa resolução)
Baixe a logomarca DATASUS 25 Anos (alta resolução)

 

Nucom DATASUS