Ministério da Saúde

DATASUS

Webinar debate a importância dos dados em saúde durante a pandemia da COVID-19

publicado: 12/06/2020 10h38,
última modificação: 15/06/2020 11h25

Ao participar do bate-papo on-line, diretor do DATASUS reforçou a necessidade de qualificar a informação e o papel estratégico dos municípios

O diretor do Departamento de Informática do SUS (DATASUS), Jacson Barros, participou, nesta sexta-feira (10), do webinar “COVID-19: A importância da utilização de dados para a tomada de decisão na saúde”, promovido pela Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp). Durante o bate-papo virtual, Barros reforçou o trabalho promovido pelo departamento no sentido de pavimentar uma estrutura nacional em saúde que permita a continuidade do cuidado nos setores público e privado, com a troca de informações entre as duas áreas, por meio da Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS).

 

Para Jacson Barros, com a quantidade de informação disponível hoje é possível criar uma base de dados, porém é preciso aprimorar a qualidade desse conteúdo. Ao ser questionado pelo mediador do webinar, o conselheiro da Anahp e diretor-geral do Hospital Sírio-Libanês, Paulo Chapchap, sobre onde seria melhor investir na saúde, Barros indicou a necessidade de focar na Atenção Primária em Saúde (APS). “Por duas razões: porque é a porta de entrada da atenção à saúde e para aprimorarmos a qualidade da informação, que certamente será útil para a continuidade do cuidado”, explicou. O diretor do DATASUS citou o Programa de Apoio à Informatização e Qualificação dos Dados da Atenção Primária à Saúde (Informatiza APS), ação inédita do governo federal que prevê incentivo financeiro para as prefeituras que compartilharem seus dados em saúde.

 

Um dos convidados do evento on-line, o doutor em Economia e professor da Fundação Getúlio Vargas Rudi Rocha elogiou a capilaridade do Sistema Único de Saúde (SUS) e o volume de informações em saúde disponibilizados pelo DATASUS. “O que a gente consegue fazer com esses dados permitem extrair um conhecimento valioso”, afirmou. Já o mediador do debate salientou que é preciso continuar alimentando os sistemas de informação da Saúde com dados mesmo após o fim da pandemia do novo coronavírus.

 

Participaram também do webinar a superintendente de Economia da Saúde do Hospital Israelita Albert Einsten, Vanessa Teich; o médico e presidente da 2iM Inteligência Médica, César Abicalaffe; e o diretor-executivo da Anahp, Marco Aurélio Ferreira.

Assista o webinar completo clicando aqui.